Infâmias

Sarcasmo, ironia e acidez

É do Brasil!

Posted by Sátiro em abril 28, 2008

Estou voando!

Apesar do que muitos apregoam, o Brasil é um país cheio de talentos, e não só no futebol ou na música. Nosso programa de combate à AIDS é o melhor do mundo, o sistema de transporte público de várias de nossas capitais já atraiu representantes de países vizinhos, e nos destacamos em várias outras áreas de estudo.

Agora, graças ao bravo e intrépido padre Aderli de Carli, o padre voador da cadeira cheia de balões, estamos prestes a assumir o pódio em mais uma categoria: o Darwin Awards.

Como meus cultos leitores sabem, Charles Darwin foi um cientista que elaborou a teoria da seleção natural, segundo a qual a natureza selecionaria os indivíduos mais aptos de cada espécie para a sobrevivência, assegurando que apenas os mais fortes e espertos continuariam vivos. Os mais fracos seriam naturalmente retirados de cena, morrendo de doenças ou sendo devorados por predadores. Desta forma, a espécie se manteria forte, visto que a tendência seria que só os melhores indivíduos continuariam vivos até a idade reprodutiva.

Com base nesta idéia, o Darwin Awards é um site antigo que tem uma proposta inusitada: premiar com menções honrosas aqueles que contribuiram para a evolução da raça humana, cumprindo duas premissas básicas: não ter procriado, e ter dado fim à própria vida de forma acidental por responsabilidade propria, retirando dessa forma seus gens inaptos do mundo.

Sendo padre, o Reverendo Aderli já cumpre naturalmente (espero!) a primeira premissa. E os acontecimentos – se meter numa empreitada louca levando como equipamentos um GPS que ele não sabia usar, um telefone satélite com apenas 3 horas de autonomia sem bateria reserva e uma roupa de alumínio que em caso de queda no mar significaria morte quase certa por hipotermia – infelizmente o tornam um possível candidato ao pódio, razão pela qual ele está sendo citado com destaque na página inicial do site.

Ironicamente, o site que está ajudando a divulgar seu terrível erro poderia ter salvo a vida do padre. Se ele o conhecesse, teria a chance de pensar melhor após ler a história de Larry Walters, um então motorista de caminhão americano que antecipou a façanha do padre há 26 anos.

Larry tinha o sonho de infância de voar, e sentia-se frustrado por ter visto sua chance de se tornar um piloto da força aérea escapar devido à sua visão ruim. Disposto a realizar seu sonho, Larry amarrou 45 balões inflados com helio a uma cadeira de jardim, juntou alguns sanduíches e cervejas e chamou alguns amigos. Levou também uma espingarda de ar comprimido, planejando estourar alguns balões quando quisesse descer. Achando que a cadeira flutuaria a cerca de dez metros do solo, Larry cortou as cordas que a mantinham presa ao chão, e foi quando as coisas começaram a sair do planejado.

A cadeira não flutuou graciosamente como ele previu; ela disparou para cima como um foguete. Tampouco se deteve em dez metros de altura; em pouco tempo, Larry foi a 5000 metros de altitude, chegando a atingir a faixa de altura de voo de alguns aviões. Apavorado, sacudindo com o vento e muito fora de seu curso, ele levou mais de 14 horas até tomar coragem de efetivamente começar a atirar nos balões e descer, tendo chegado realmente muito perto da morte.

Em tempo: no Darwin Awards, Larry e o padre Aderli são homenageados em companhia de outros autores de grandes feitos, como o dono de ferro velho que tentou demontar um morteiro militar – à marretadas – e os dois amigos que procuravam um local sossegado para fumar maconha, e nunca chegaram a descobrir que o local escolhido era um reservatório de combustível abandonado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: